0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 05/08/2022 18:35

Vanderlei Luxemburgo caiu atirando. Ao ter sua candidatura ao Senado pelo Tocantins barrada pelo PSB, o ex-técnico disse que foi apunhalado pelas costas e chamou os colegas de “traidores” os colegas de partido.

Em carta aberta, disse que “não houve diálogo, houve pressão”.

Luxemburgo afirmou ainda que pensou em processar o partido, “ao ser apunhalado pelas costas”. “Vocês sabem como é ter um sonho roubado das mãos?”

Post Anterior

Na convenção Marconi Perillo retira candidatura ao governo de Goiás

Próximo Post

PTB Tocantins confirma apoio à Wanderlei Barbosa em convenção! “Decisão da maioria absoluta”, frisa Diogo Fernandes

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.