0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 25/03/2020 18:33

Segundo a prefeitura de Araguaína, no norte do Estado, é baixo o estoque de vacina da campanha nacional contra a gripe em algumas unidades básicas de saúde (UBS) ainda no segundo dia da imunização. Em cinco unidades as vacinas já esgotaram: UBS José Ronaldo (Dom Orione), UBS Dr. Francisco (Vila Aliança), UBS Palmeiras do Norte, UBS Nova Araguaína e UBS Couto Magalhães.
 
Nessa primeira etapa da Campanha de Vacinação, a meta em Araguaína é vacinar mais de 17 mil pessoas entre idosos e profissionais da saúde. O município recebeu 11.570 doses da vacina contra Influenza. “Tivemos uma boa procura do público-alvo nesses primeiros dias da campanha, o que resultou nessa rápida baixa do estoque em todas as unidades em pouco mais de 24 horas”, explicou a coordenadora de Imunização do Município, Samila Braga.

Ainda de acordo com a Coordenação de Imunização, a previsão é de que até o final da semana muitas unidades já não tenham mais a vacina.

Vacina contra a gripe em Araguaína. Foto: Marcos Filho/Ascom.

Reposição

A Secretaria Municipal da Saúde aguarda o recebimento de novas doses para seguir atendendo ao público da campanha. “Ainda precisamos vacinar aproximadamente seis mil pessoas do público-alvo dessa primeira etapa e acreditamos que na próxima semana estaremos novamente com as UBS abastecidas com a vacina”, disse Samila Braga.

A campanha vai até o dia 22 de maio. Entre as estratégias que serão adotadas pela Secretaria da Saúde está a divisão da vacinação por etapas, seguindo a orientação do Ministério da Saúde,  cada público-alvo terá o seu período de imunização.
 
Na primeira etapa da vacinação (23 de março a 15 de abril), serão imunizados idosos acima de 60 anos e profissionais da saúde, totalizando 17.272 pessoas nessa fase. No total, a meta para Araguaína é vacinar 90% do público-alvo, mais de 48.000 pessoas.
 

Post Anterior

Inflação oficial registra taxa de 0,02% na prévia de março

Próximo Post

Senadores aprovam MP da renegociação de dívidas com a União