0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 13/02/2019 18:47

A partir do mês que vem, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) irá utilizar drone para aumentar o alcance da fiscalização nas áreas animal e vegetal. O veículo aéreo não tripulado auxiliará no monitoramento das lavouras, das propriedades rurais, leilões, movimentação de animais, entre outros. “O equipamento será a extensão do trabalho do fiscal ou do inspetor para facilitar o acesso aonde é difícil chegar. Com isso, minimizaremos fraudes, teremos economia de combustível e de pessoal, bem como, melhor precisão na fiscalização agropecuária”, destaca o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha. 

Nas atividades da área vegetal será possível captação e processamento de imagem com escala pré-definida, mapeamento das lavouras, identificação de pontos isolados para fins de fiscalização de descarte ilegal de embalagens vazias de agrotóxicos no campo e demais ações. Na área animal, permitirá a conferência de animais em leilões e feiras agropecuárias, em blitz para localização de caminhões em rotas clandestinas ou escondidos em propriedades rurais, entre tantas outras atividades.  

Post Anterior

Ar-condicionado pega fogo e assusta alunos de escola de Pedro Afonso; Chamas foram controladas em seguida

Próximo Post

Capital da Fé 2019: Agtur realiza sorteio de espaços da Praça de Alimentação na próxima sexta-feira, 15