0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 19/07/2022 12:59

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disse nesta terça-feira (19) que já analisou as propostas feitas pelos militares ao processo eleitoral brasileiro. Na última quinta-feira (14), o ministro da Defesa, general Paulo Sérgio Nogueira, assim como o coronel Marcelo Nogueira de Souza, criticaram a corte eleitoral em audiência no Senado.

O general chegou a dizer que três propostas feitas por eles poderiam resolver todas as críticas em relação dos militares com as eleições. Elas seriam: a realização de teste de integridade das urnas nas mesmas condições das eleições; Testes Públicos de Segurança (TPS) nas novas urnas adquiridas a partir de 2020; e o TSE tornar efetiva a fiscalização e a auditoria pelas entidades em toda as fases do processo. Elas foram replicadas por Bolsonaro ontem.

“Elas receberam, como dezenas de outras propostas, os devidos encaminhamentos, que respeitaram a legislação eleitoral em vigor”, explicou a corte, em um comunicado.

Post Anterior

Polícia Federal investiga crimes de organização criminosa e lavagem de dinheiro praticados por empresários, agentes públicos e agentes políticos no Estado do Tocantins

Próximo Post

Campanha presidencial poderá custar até R$ 88,9 milhões no primeiro turno

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.