0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 19/07/2022 14:22

Mais de R$ 59 milhões serão destinados ao pagamento dos benefícios, que chegarão a todos os 139 municípios do estado. Para ter acesso ao programa é preciso preencher requisitos e estar inscrito no Cadastro Único

Um total de 146.619 famílias de todos os 139 municípios de Tocantins receberão o Auxílio Brasil em julho, segundo um levantamento do Ministério da Cidadania. Em toda região Norte, serão mais de 2,16 milhões de famílias atendidas neste mês, em um total de 450 municípios. O valor destinado ao pagamento dos benefícios supera os R$ 868,53 milhões para os sete estados da região.

De acordo com o Ministério da Cidadania, que coordena o programa e é responsável pelo gerenciamento e o envio de recursos para o pagamento, mais de R$ 59,6 milhões serão destinados a Tocantins apenas neste mês. O valor médio do benefício no estado é de R$ 409,94.

O Auxílio Brasil atenderá, em todo país, mais de 18,13 milhões de famílias em julho. O programa chegará a 5.570 municípios e o valor total repassado para o pagamento dos benefícios supera a marca de R$ 7,3 bilhões neste mês.

O Auxílio Brasil integra em apenas um programa várias políticas públicas de assistência social, saúde, educação, emprego e renda. Trata-se de um programa social de transferência direta e indireta de renda, destinado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o país. Além de garantir uma renda básica, o programa busca estimular a emancipação dessas famílias para que alcancem autonomia e superem situações de vulnerabilidade social.

Quem tem direito?

Têm direito ao Auxílio Brasil famílias em situação de extrema pobreza, em situação de pobreza, e famílias em regra de emancipação.

As famílias em situação de extrema pobreza são aquelas que possuem renda familiar mensal per capita de até R$ 105,00. Já as famílias situação de pobreza são aquelas com renda familiar mensal per capita entre R$ 105,01 e R$ 210,00.

Como ter acesso ao benefício?

Para ter acesso ao Auxílio Brasil as famílias que preencherem os requisitos devem estar inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). O cadastro pode ser feito no seguinte endereço eletrônico: Link

Feito o cadastro, o interessado deve confirmar os dados em uma entrevista presencial que será realizada em um Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) das prefeituras.

 

Post Anterior

Procuradores defendem investigar Bolsonaro por ataques às urnas

Próximo Post

TSE anuncia oito associações e entidades civis que observarão as eleições

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.