Home»Destaque»Telenovela

Telenovela

Quem são os reais personagens da novela ambientada em Palmas?

Atualizada em: 26/11/2017 20:06

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Sinto muito por ter que começar um texto usando como referência uma novela. Por fazer um texto sobre novelas, também. Eu sei que você adora novelas, torce pela trama e se vê nos personagens. Eu tenho torcido bastante pela protagonista da novela das nove. As histórias sobre vingança são sempre as melhores, e uma história sobre vingança em Palmas era tudo que eu precisava para alegrar minhas noites. Vejo que algumas pessoas reclamam da maneira como nossa cidade é retratada: um lugar onde quem não tem dinheiro não chega longe, falso moralismo, tráfico de influência, preconceito. Como já disse há alguns textos, foi isso o que vi quando cheguei aqui, e mesmo estando longe disso agora, sinto que, às vezes, uma brecha se abre e o ar venenoso entra no meu corpo.

Cada vilão da novela representa alguém conhecido de quem mora aqui. Políticos, pessoas que estampam as colunas sociais, aquele seu vizinho que comprou um carro melhor. Tenho convivido bastante com as pessoas desse meio. Elas mal me enxergam. Muito bem, obrigado. Fica mais fácil para fazer meu trabalho, que é observar. Em poucos minutos de conversa, traições vem à tona, amantes são desmascarados, quem deve o que, quem falou de quem, quem vai dançar na política. Os ditos colunáveis são figuras que se ninguém diz que são, fica impossível nomear. São os quem vem de berço, os que se casaram com quem vem de berço, e os que não tem nada, mas conseguem manter o padrão para estar lá. São pessoas muito bem vestidas, educadas; poucas realizaram algum feito relevante. Eles convivem e se odeiam em segredo. Sorriem, elogiam, aplaudem.

A influência aqui não se dá por realizações, mas por quem paga mais. Mostrar o lado escuro de Palmas faz com que todos que vivem aqui tenham certeza de que não é só uma sensação estranha de deslocamento em seu próprio lar. Aqui você estuda, trabalha, tenta se destacar. Aí chega o momento em que você tem que oferecer algo para provar que merece estar ali, porque seus feitos não são suficientes.

O sentimento que mais move as pessoas a se realizarem na vida é a vingança. Não em praticar o mal diretamente, mas em mostrar que você também conseguiu, em fazer parte daquele mundo que você tanto despreza. Mostrar que está bem desequilibra as pessoas. Elas não querem que você esteja bem, porque ver o outro bem as faz perceber o que há de errado em suas vidas.

Não espere até que te façam mal para você revidar. Não revide de maneira impulsiva, tampouco maldosa. Sei que faz muito o meu feitio incentivar tais comportamentos, mas garanto por experiência própria que o mal só traz o mal. Revide sendo tudo que não esperam de você. Faça uma lista, com nomes e realizações. Os nomes estarão lá para te lembrar de cada pessoa e o que elas representam na sua trajetória, o que você precisa mudar para se desviar do que elas são. Não se martirize, o tempo dos mártires já se foi. Não se compare a Edmond Dantes, ainda falta um pouco para você chegar lá. Se dê a importância que você merece. Este, inclusive, é o primeiro passo na lista de realizações. Na nossa novela, não temos um autor para nos garantir um final feliz. Nada garante que ele chegará. Temos a dupla função de atuar e escrever, e garantir que o público fique satisfeito com o desenrolar da trama.

Post Anterior

Palmas recebeu 7ª Edição do Desafio dos Fortes

Próximo Post

Governador inaugura obras em Porto Nacional e entrega novas viaturas em Palmas, nesta segunda-feira, 27