Home»Destaque»Vendas de seguro de veículos em Palmas aumentam cerca de 20%

Vendas de seguro de veículos em Palmas aumentam cerca de 20%

Esse continua sendo o tipo de apólice mais procurado pelos brasileiros.

Atualizada em: 26/12/2017 15:41

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Ter o seguro de seu veículo é algo de que a advogada Pâmela Barros não abre mão. Ela mantém o serviço há 7 anos e diz que pretende continuar. “No ano passado, eu estava na TO 050 e outro carro bateu na traseira no meu. O impacto foi grande, quase perdi o controle da direção. O motorista fugiu. Só não fiquei no prejuízo devido a cobertura de danos do seguro. Sem o seguro, os gastos com um acidente podem ficar muito altos e nem sempre dispomos de recursos para sanar o prejuízo”, complementa a advogada.

Tão importante quanto contratar um seguro para o automóvel é saber utilizar o seguro corretamente para não perder o direito à indenização, no caso de algum problema. A corretora de seguros em Palmas, Luciana Pettenon, explica que a diferença de preço entre seguradoras pode chegar a até R$ 3 mil. “Faço orçamento em pelo menos 10 seguradoras diferentes e sempre há diferença de preço na oferta do serviço, por isso, é importante o consumidor procurar um corretor de seguros”, reforça.  Luciana chama atenção ainda para as formas de cobertura. De acordo com a corretora, é importante saber se a franquia contratada cobre indenização a terceiros, socorro 24 horas e problemas técnicos.

Esse continua sendo o tipo de apólice mais procurado pelos brasileiros. Apesar da crise na economia, as vendas aumentaram neste mês de dezembro, em Palmas, devido às viagens de fim de ano. A estimativa de aumento chega a cerca de 20% se comparado com o mesmo período do ano passado. “Trabalho há vários anos nesse mercado aqui em Palmas e essa é a primeira vez que tenho um aumento nesse percentual em vendas”, conta Luciana Pettenon, corretora de seguros.

Na corretora onde Jefferson Alves trabalha, o movimento também cresceu. “Aqui tivemos um aumento de 40% se comparado com o ano passado. Eu acredito que a motivação seja a insegurança dos tocantinenses com relação ao trânsito. Em caso de perda total, o seguro cobre o prejuízo do cliente”, destaca o corretor de seguros.

Dicas na hora de adquirir o seguro

De acordo com o serviço de proteção ao consumidor, antes de contratar qualquer seguro é importante verificar se a seguradora possui registro na Superintendência de Seguros Privados (Susep). Também é importante ler o contrato, as condições gerais e a minuta da proposta. Além disso, coberturas e exclusões devem ser verificados. 

A pesquisa não pode ser esquecida. Verifique os preços e serviços oferecidos por cada seguradora e chegue a uma conclusão sobre o melhor custo-benefício. 

O consumidor deve ficar atento aos prazos, já que o período para aceitação deve ser indicado na proposta e não deve ser superior a 15 dias, contados a partir da data do recebimento. Na hora de preencher o questionário de avaliação de riscos, é importante dar informações totalmente verídicas.

Post Anterior

Lugar de Mulher é Onde Ela Quiser: a empresária Neyla Rodrigues fala sobre sua ONG Meninas de Deus e como a solidariedade pode mudar vidas

Próximo Post

Dois detentos são mortos em presídios do Tocantins