0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 21/06/2022 11:20

Integrantes do governo e aliados próximos ao presidente Jair Bolsonaro (PL), afirmam que o clima é de preocupação diante da vitória de Gustavo Petro, eleito presidente da Colômbia neste fim de semana. Petro é o primeiro presidente de esquerda eleito na Colômbia e é ex-guerrilheiro.

A preocupação não é só pela vitória da esquerda, o que um alto integrante do Palácio do Planalto classificou como “normal” e que faz “parte da democracia”. A preocupação e o sinal de alerta são por conta da forma como a vitória de Gustavo Petro aconteceu. Essa mesma fonte disse ao Blog que chamou atenção a alta abstenção, de 44%  “o que aconteceu na Colômbia é o mesmo que aconteceu no Chile. Eleitores insatisfeitos com o atual governo não foram votar e a militância da esquerda foi. O risco é isso daí. No Brasil o voto é obrigatório, mas o eleitor pode anular”.

Diante disso, a equipe de Bolsonaro quer recuperar apoio de uma parcela do eleitorado que votou a favor do presidente em 2018, mas que ficou insatisfeita com o governo ao longo desses três anos e meio.

Post Anterior

Economia brasileira cresce 0,3% em abril, mostra prévia da FGV

Próximo Post

Escassez de mão de obra qualificada no Brasil atingiu 81% em 2022, diz pesquisa

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.