Home»Destaque»Queda de raio causa prejuízos em Gurupi

Queda de raio causa prejuízos em Gurupi

Atualizada em: 25/11/2017 14:20

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

A chuva que começou por volta das 19 horas de ontem, 23, caia mansa, mas pouco antes das 22h muita gente se assustou com o estrondo que ouviu. “Quase caí de susto, pois não espera um trovão tão forte numa chuva tão calma”, disse o eletricista José Paulo Rodrigues.

Supostamente o raio teria caído em torno das Avenidas Paraíba, Ceará e Pernambuco no centro da cidade, conforme informado por um funcionário do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O telefone de emergência da unidade ficou sem funcionar, mas o problema foi resolvido hoje cedo. “O atendimento de urgência já voltou ao normal, mas com a queda do raio aqui perto o servidor e todos os computadores foram queimados”, disse.

Prejuízos também para uma escola de ensino infantil da Avenida Ceará. “Queimou toda a fiação, o padrão foi danificado e ficamos sem energia, hoje não haverá aula. Ainda não sabemos se os equipamentos foram prejudicados”, contou a diretora da escola Maria Aidê Alves Ribeiro.

A advogada Arlene Silva, mora próximo ao Samu e havia saído de casa para comemorar seu aniversário com família, e ao retornar teve uma surpresa. “As únicas duas TVs foram queimadas e o telefone fixo também”. 

O sevidor público, Augusto Bayma, mora em frente ao Samu, no caso de foram queimados o motor do portão eletrônico e duas lâmpadas de Leds que estavam acesas. “Eu estava na faculdade, minha sorte que não queimou a TV, a geladeira e meu computador, mas nele eu uso filtro de linha que segura essas descargas elétricas”, comentou.

O advogado Uemerson Coelho disse que quando há danos materiais e financeiros devido há descargas elétricas é preciso entrar em contato com a concessionária de energia e pedir uma vistoria. “ Se você verificar que houve um prejuízo, terá um prazo de até 90 dias para  fazer a reclamação pessoalmente na agência ou por telefone e aguardar até 15 dias que é o prazo que a empresa tem para responder”, sugeriu.

Energisa

Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), por ano no o Tocantins caem cerca de 20 raios por quilômetro quadrado, tornando o estado com maior densidade de quedas de raios no País. Conforme divulgado pela Energisa, essas descargas atmosféricas são responsáveis por cerca de 70% dos desligamentos das linhas de transmissão e 40% na distribuição de energia elétrica, além da queima de um número considerável de transformadores de distribuição.

A empresa deu dicas de como proteger equipamentos eletrônicos das descargas elétricas.
“Retire todos os aparelhos eletrônicos e eletrodomésticos das tomadas. Desconecte os fios de antenas dos aparelhos, desligue telefones fixos das tomadas e evite carregar celulares durante tempestades. Se houver algum prejuízo devido à descarga elétrica como eletrônicos ou eletrodomésticos danificados, entre em contato com a Energisa”.

Post Anterior

Prefeitura adianta pagamento dos servidores para hoje

Próximo Post

PMs que atiraram contra delegado em Guaraí são denunciados pelo MPE