0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 22/07/2022 08:20

Para  estabelecer estratégias de desenvolvimento econômico, a Secretaria da Indústria, Comércio e Serviços (Sics) recebeu o Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte formam (Sest/Senat), em encontro que debateu a aplicação de projetos de qualificação para os setores de transporte e serviços, no que se refere às áreas do agronegócio, turismo e mineração no Tocantins. A ação objetiva promover cursos profissionalizantes para que a população do estado atenda as demandas do mercado.

Também participaram da reunião as equipes técnicas da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Secretaria da Cultura e Turismo (Sectur), Agência de Mineração do Estado do Tocantins (Ameto) e Departamento de Trânsito do Tocantins (Detran). Na ocasião foram apresentadas as principais dificuldades encontradas por empreendimentos dos setores, no que se refere a busca de mão de obra qualificada.

Para o presidente da Ameto, Mauro Mota, a iniciativa permitirá o crescimento do segmento da mineração, uma vez que o Tocantins estará equipado com a mão de obra necessária para atender as reivindicações do setor. “As empresas de mineração demandaram à agência sobre as qualificações de mão de obra e nós estamos buscando atender essa necessidade. Já fizemos parcerias com a Unitins e o IFTO, com o objetivo de qualificar trabalhadores e a parceria com Sest/Senat contribuirá ainda mais com a formação das pessoas e com o fortalecimento econômico do estado, auxiliando na criação de empregos que atenderão as demandas das empresas da mineração e de outros setores”.

Na reunião, foram estabelecidos encaminhamentos para o levantamento dos principais cursos profissionalizantes a serem aplicados, além do quantitativo da demanda de mão de obra por setor e região. “Ao estabelecermos esses parâmetros, conseguiremos de forma conjunta aplicar medidas que não apenas atenderão as demandas do empreendedor, mas que também contribuirão com a empregabilidade e a descentralização da atividade econômica no Tocantins”, afirmou o gestor da Sics, Carlos Humberto Lima.

Post Anterior

Federação aprova chapa Lula-Alckmin para as eleições 2022

Próximo Post

Partidos já receberam mais de R$ 20 milhões em doações na pré-campanha

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.