0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 22/06/2022 10:43

Na decisão que deflagrou a operação contra o ‘Bolsolão do MEC’, o juiz Renato Borelli determinou a prisão preventiva (sem prazo) do ex-ministro Milton Ribeiro. Ele foi levado para a Superintendência da Polícia Federal em Brasília, onde será ouvido amanhã em audiência de custódia.

Ribeiro é acusado de corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e tráfico de influência.

WhatsApp Image 2022 06 22 at 09.47.40

Post Anterior

Bolsonaro comenta prisão de ex-ministro: "Vai respingar em mim, obviamente"

Próximo Post

PP não irá assinar CPI da Petrobras

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.