0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 17/03/2022 06:25

A Prefeitura de Palmas apresentou, nesta quarta-feira, 16, em audiência pública na Câmara Municipal, os resultados da meta fiscal do 3º quadrimestre de 2021. Na oportunidade, o secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento Humano (Seplad), Eron Bringel Coelho, juntamente com o superintendente de planejamento e orçamento da pasta, José Augusto Rodrigues Júnior, e do secretário executivo de Finanças, Glauber Santana Aires, detalharam a avaliação do cumprimento das metas fiscais do período.
 
Durante a apresentação, os gestores demonstraram os resultados das receitas e das despesas previstas e as realizadas. De modo geral, as receitas totais do município atingiram R$ 1.566,7 bilhão até o 3º quadrimestre de 2021, um resultado que equivale ao ganho de 3% em relação ao previsto para o ano, que era de R$ 1.519,8 bilhão, resultando em um excedente de R$ 46,9 milhões. Já as despesas totais somaram R$ 1,2 bilhão.
 
Além da inflação, esse excedente na arrecadação é resultado também da realização do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) de Palmas, implantado no final do ano passado e que arrecadou cerca de R$ 30 milhões líquidos. “Nós precisávamos fazer o Refis porque algumas pessoas, como os nossos empresários, estavam com dificuldades para pagar os seus tributos por causa da pandemia. E isso contribuiu muito com a nossa arrecadação”, destacou o secretário Glauber Aires.
 
Por sua vez, o superintendente da Seplad explicou que todos os impostos municipais tiveram um resultado positivo em 2021, com destaque para a arrecadação do ISSQN (Imposto sobre Serviços), que apresentou um crescimento real de 30% em relação a 2020, ou seja, foram R$ 46,7 milhões a mais, já considerando a arrecadação com a dívida ativa, multas e juros. “Com esses números, podemos observar o início da recuperação real da nossa economia, no sentido da oferta de serviços”, enfatizou José Augusto.
 
Eron Bringel ressaltou os investimentos realizados pela Prefeitura no período, com foco na infraestrutura e na valorização dos servidores municipais. “A prefeita Cinthia Ribeiro está honrando os compromissos feitos com os servidores municipais, pagando em dia as progressões, a data-base e ainda pagando os retroativos, investindo na infraestrutura da cidade e mantendo uma boa saúde financeira e índices favoráveis de emprego e renda”, frisou.
 
Os gastos com pessoal tiveram um aumento real de 4,1% (R$ 8,8 milhões) no 3º quadrimestre de 2021. Já os investimentos aumentaram 31,2% (R$ 28,1 milhões) no período.

Post Anterior

Senado pede que STF prorrogue por mais 90 dias prazo para cumprir decisão do orçamento secreto

Próximo Post

Fundação de Meio Ambiente participa de mutirão de limpeza no Lago de Palmas