0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 22/07/2022 10:33

Ficha limpa, o pré-candidato ao Senado pelo Tocantins Ataídes Oliveira (PROS) tem um histórico de luta pelo combate à corrupção e zelo pelo dinheiro público.

Ataídes não responde a nenhum processo por corrupção na Justiça e afirma que o combate à corrupção é uma de suas principais bandeiras. “A corrupção mata. Quando se rouba dinheiro que deveria ir para a Saúde, a Educação, a Segurança Pública, a Infraestrutura ou outras áreas, tudo isso acaba afetando a vida da população e matando pessoas. É preciso que a gente construa uma nova mentalidade na política brasileira”, conclamou.

Enquanto senador, Ataídes apresentou no Senado o projeto das “10 Medidas contra a Corrupção”, sugeridas pelo Ministério Público Federal (MPF) e assinadas por mais de dois milhões de brasileiros. Ele também foi autor da proposta de emenda constitucional que proíbe o apadrinhamento político para cargos públicos de natureza técnica. Ataídes também se posicionou à época contra o foro privilegiado para autoridades.

Único tocantinense a presidir três CPIs

Ataídes presidiu três importantes CPIs, são elas: a da JBS, que ajudou a colocar na cadeia os irmãos Batista, donos da Friboi; a CPI do Carf que investigou um esquema bilionário de corrupção e sonegação fiscal no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais; e a CPI que apurou os juros abusivos cobrados pelas operadoras de cartões de crédito.

Post Anterior

Hospital Geral de Palmas alerta para aumento de acidentes de trânsito

Próximo Post

SESI e SENAI selecionam instrutor em Logística, auxiliar administrativo e técnico em Informática para Araguaína e Palmas

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.