0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 20/07/2021 14:13

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 20, a “Operação Fuga do Paraíso” com o objetivo de dar cumprimento a um mandado de busca e apreensão contra suspeito de utilizar documento falso para acobertar o uso e receptação de veículo clonado.

Cerca de cinco Policiais Federais cumprem o mandado de busca e apreensão expedido pela 4ª Vara Federal de Palmas, na cidade de Esperantina.

A investigação teve início após abordagem feita pela Polícia Rodoviária Federal-PRF, onde um indivíduo fugiu após ser abordado com carro clonado e documento falsificado, na cidade de Paraíso do Tocantins. Durante a abordagem o suspeito saltou do veículo em movimento, na estrada, e conseguiu fugir dos policiais.

O fato narrado foi informado à Polícia Federal e, após inúmeras diligências, conseguiu-se identificar o suspeito e o local em que reside. A ação visa robustecer o conjunto probatório já existente e colher elementos de eventuais outras infrações penais, assim como possível participação de outros envolvidos.

O suspeito é investigado pelos crimes de receptação e uso de documento falso, cujas penas somadas, ultrapassam os 10 (dez) anos de reclusão.

Post Anterior

Paraíso do Tocantins bate recorde de doses aplicadas vacina na população de 18 anos ou mais

Próximo Post

Acordo entre MPTO e Prefeitura de Porto viabiliza convocação de 344 candidatos aprovados em concurso

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *