0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 11/11/2020 16:20

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 11, a Operação “Desunidos”, com o objetivo de coibir suposta captação ilícita de sufrágio por candidatos no Município de Araguaína/TO.

Cerca de 12 Policiais Federais cumprem 3 mandados de busca e apreensão no município de Araguaína/TO, expedidos pela 001ª Zona Eleitoral de Araguaína/TO.

A Polícia Federal teve conhecimento de que um vereador, estaria prometendo R$ 200,00 reais em um grupo de aplicativo de nome “Unidos Venceremos” a cada participante que votasse no candidato recomendado.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de associação criminosa, compra de votos e falsidade ideológica eleitoral.

O nome da Operação “Desunidos” faz alusão ao grupo de aplicativo “Unidos Venceremos”, em referência ao grupo criado para troca de informações e agenciamento ilícito de eleitores.

Post Anterior

Wagner garante construção de mais 3 mil casas em Araguaína

Próximo Post

Tocantins contabiliza 234 novos casos confirmados da Covid-19

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *