0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 09/06/2022 12:36

A Petrobras voltou a defender a manutenção da política de paridade de preços internacional, operada pela empresa desde 2016. Conhecida pela sigla PPI, a estratégia atrela o preço do petróleo brasileiro ao praticado em mercados ao redor do mundo- o que, junto a um câmbio desvalorizado, resulta em um preço de combustíveis mais alto no Brasil.

A empresa disse que o PPI é necessário para a garantia do abastecimento doméstico. A defesa da postura da empresa ocorre em um momento em que governadores criticam as margens de lucro da empresa, que na visão dos políticos não é reduzida neste momento de crise.

A estatal defende que  preços abaixo do mercado “inviabilizam economicamente as importações necessárias para complemento da oferta nacional” e diz que exemplos recentes de desalinhamento aos preços já se traduzem em problemas de abastecimento em países vizinhos ao Brasil.

Post Anterior

Na Cúpula das Américas Bolsonaro dá primeiro recado a Biden

Próximo Post

Senadora Kátia prestigia abertura oficial da exposição agropecuária de Guaraí

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.