0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 29/06/2021 16:03

Até o início da manhã desta terça-feira, 29, trinta pessoas em situação de rua em Palmas já haviam sido imunizadas contra a Covid-19. As aplicações são realizadas por profissionais do projeto Consultório de Rua, da Secretaria Municipal da Saúde (Semus) em doses únicas da vacina Janssen.

A vacinação deste grupo, recém-incluído nas ações de imunização contra Covid-19 na Capital, iniciou na última segunda-feira, 28, e segue até a sexta-feira, 02, em pontos já monitorados pela equipe de Consultório de Rua. Segundo a Semus, a expectativa é imunizar até o fim da semana 155 pessoas em situação de rua (grupo este já acompanhado pela Semus em ações contínuas de saúde).

O desempregado R. T., 43 anos, vive em situação de rua há quatro anos. Ele foi um dos contemplados. “Olha, foi surpresa para mim receber essa injeção hoje. Eu penso assim se a doença existe e tem essas vacinas que protegem, acho que tem que tomar mesmo”, disse.

De posse de seu comprovante de imunização, o estudante B.M.P, 28 anos, disse que “estamos em uma pandemia, acho que essa vacinação tem significado, um passo na direção de uma vida normal”, afirmou.

A vacinação acontece em locais frequentados por pessoas em vulnerabilidade social sem moradia fixa. Alguns dos pontos atendidos desde o início das aplicações ficam no setor Santa Bárbara, na Praia da Graciosa, em Taquaralto, na Teotônio Segurado, no Parque dos Povos Indígenas e nas imediações da Arne 53 (406 Norte) e da Arno 44 (409 Norte).

O Consultório na Rua existe desde 2016 em Palmas e faz parte das ações de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), atendendo atualmente cerca de 150 pessoas em situação de rua.

Post Anterior

Governador Mauro Carlesse inicia entrega de kits de alimentos para estudantes da Regional de Pedro Afonso

Próximo Post

Polícia Militar realiza Operação Marco Brasil na região sul do Estado