0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 01/08/2022 15:48

Foi assim que o jogador e o agente enfrentaram o São Paulo. No final de 2009, eles decidiram que o futuro do meia-atacante seria melhor no Internacional. E simplesmente Oscar abandonou o Morumbi.

Ele era considerado como uma das grandes revelações do clube. Certeza de atleta que daria lucro, com venda para o Exterior. Até que, aos 19 anos, decidiu ir para o Internacional. Houve uma das maiores brigas jurídicas da história do futebol brasileiro. De dois anos e meio. Com o jogador até sendo afastado do futebol por um período.

De malas prontas? Oscar veste camisa do Flamengo e viraliza com foto vazada, veja!
Oscar veste camisa do Flamengo e viraliza com foto vazada, veja!
No dia 30 de maio de 2012, a situação foi resolvida.

Mas para revolta dos dirigentes são paulinos, no dia 17 de junho, ele foi vendido pelo Internacional para o Chelsea. Por R$ 79 milhões. R$ 64 milhões de diferença!

Oscar ficou quatro temporadas no futebol inglês. Disputou a Copa de 2014. Foi vendido para o Shanghai SIPG por R$ 212 milhões, em 2017.

Seu clube sofre enorme pressão do governo chinês para reduzir salários.

Como o blog já publicou no dia 18 de julho…

“A sigla SIPG significa Shangai International Port Group. Ou seja, era uma empresa estatal. Como fazia parte dos planos chineses desenvolver o futebol em 2016, não houve problema em aceitar pagar a Oscar a quantia de 24 milhões de euros, cerca de R$ 130 milhões por ano. Ou seja, ele ganharia incríveis R$ 10,8 milhões mensais.”

“A revelação do salário foi feita pela prestigiada revista France Football.

“Mas desde 2020, houve uma significativa mudança na postura do governo chinês. E os clubes foram proibidos de pagar mais de 3 milhões de euros por ano, cerca de R$ 16 milhões, ou seja, R$ 1,3 milhão a cada 30 dias.

Sem medo, Oscar enfrentou uma briga jurídica de quase dois anos e meio com o São Paulo. Foi para o Inter

Sem medo, Oscar enfrentou uma briga jurídica de quase dois anos e meio com o São Paulo. Foi para o Inter

RUBENS CHIRI/SÃO PAULO

“Esse foi um dos principais motivos que fizeram Hulk deixar o país asiático, no final de 2020. Ele não ganharia bem menos do que recebia. Ele chegou a ganhar R$ 11 milhões mensais.”

Oscar e Giuliano Bertolucci entraram em um impasse com o Shangai pela redução de salário. O máximo seriam R$ 3 milhões por mês.

Como Ludimila, a esposa do jogador, está grávida, houve acordo para que o meia-atacante passasse o resto de 2022 no Brasil. Teoricamente, ganhando o teto salarial atual.

Oscar já está há 15 dias no Brasil.

Diante do impasse, na China, o meia-atacante não quer voltar. Está cansado de atuar no Exterior. Quer que ele e sua esposa tenham o filho no Brasil. Perto de suas famílias.

Daí, a firmeza do jogador.

A direção do Shangai permitiu que Oscar ficasse por aqui nos próximos quatro meses. Mas com uma condição. Que não jogasse por clube algum.

É justamente o que o meia-atacante não quer.

Ele deseja atuar e escolheu o Flamengo.

Bertolucci e a cúpula rubro-negra já se acertaram.

O desejo da direção flamenguista é o empréstimo com preço fixado até, pelo menos, o fim de 2023. Na pior das hipóteses, até o meio do próximo ano.

Oscar decidiu tomar partido.

E tomou atitude que empresários ligados a clubes chineses avisam ser vista como uma provocação. Posar com a camisa de outra equipe.

Foi o que Oscar fez.

Escolheu a do Flamengo.

Diz a foto é verdadeira, mas ‘não sabe’ como chegou às redes sociais.

A atitude incendia a transação.

Fazer com que os chineses permitam que jogue pelo clube brasileiro.

A direção do Flamengo não quer comprar briga com o Shangai. Porque sabe que pode acabar com processo na Fifa, por aliciamento.

Mas Oscar se prepara para outra briga jurídica na carreira.

A primeira venceu com lucro fabuloso.

Derrotou o São Paulo, clube que o lançou para o futebol profissional.

Agora, o inimigo é outro.

E talvez não seja tão duro.

Porque o futebol chinês vive uma crise financeira sem precedentes.

O fechamento da janela do futebol do Exterior para o Brasil fecha no dia 15 de agosto.

Ou seja, estas duas semanas serão fundamentais para o Flamengo ter Oscar.

O jogador promete fazer o que puder.

Mesma atitude que teve quando virou as costas para o São Paulo.

E foi jogar no Internacional.

Sem remorso…

Post Anterior

Mara Gabrilli pode ser anunciada vice de Tebet, numa chapa 100% feminina.

Próximo Post

SENAI divulga 40 vagas em Paraíso do Tocantins por meio do programa Emprega Mais

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.