0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 18/09/2020 16:33

Passaram se as convenções, e de agora até o dia 26 de setembro resta só as costuras dos partidos para agregar apoios em suas coligações.

Nesta quinta feira, 17, já vimos que o tabuleiro político de Palmas ainda não  terminou, vimos o Deputado federal Osires Damaso (PSC) desistir da candidatura e passando a apoiar o Candidato a prefeito Júnior Geo (PROS), o mesmo ainda indicou o nome de sua cunhada Rose Damaso (PSC) para compor a vice na chapa de Júnior Geo, vimos também  as desistências dos candidatos a prefeito Milton Néris  (PDT), este passou a compor a chapa como vice-prefeito e Ivory de Lira (PCdoB), que passaram a apoiar a candidatura de Marcelo Lélis (PV).

Tivemos partidos anunciando seus candidatos a vice-prefeito:

Gil Barison (Republicanos) indicou um Oficial da reserva do exército brasileiro, indicado do partido do vice presidente  da República Hamilton Mourão,  Tenente Gilberto.

Vanda Monteiro (PSL) indicou seu vice na chapa caseira o vereador por Palmas  Gerson Alves (PSL).

Como adiantamos ontem o Eli Borges (SD) indicou  para vice o presidente da associação comercial de palmas Joseph Madeira (PDT) indicado pelo presidente da Assembleia Legislativa Dep. Antonio Andrade (PTB).

Alan Barbiero (Podemos) também optou pela sua vice  uma filiada do mesmo partido trata se de Micheline Cavalcante (PODEMOS).

A atual prefeita de Palmas Cinthia Ribeiro (PSDB) , anunciou o nome do empresário e proprietário do Palmas Futebol de Regatas Lucas Meira (DEM).

João aparecido Bozzoli (PSOL) vem com Lúcia Viana também do PSOL com vice-prefeita.

Tiago ¨Amastha¨Andrino apresentou o nome da ex-prefeita por Palmas Nilmar Ruiz (PL) numa composição feita com o Deputado Federal Vicetninho Jr. (PL).

Os candidatos a prefeito João Helder Vilela (PT) e Max Dornellys ainda não definiram os nomes dos seu representantes a vice.

E para fechar o dia vimos uma situação o inusitada na política de Palmas, uma intervenção do Partido Progressista do Estado comandado pela  Senadora Kátia Abreu, tirando do páreo o ex Senador Ataídes de Oliveira   até então candidato a prefeito pelo PP.

A justificativa dada pelo Partido Progressista é que a convenção realizada pelo até então candidato Ataídes Oliveira não atendia os requisitos  do Estadual.         

Post Anterior

Desemprego na pandemia atinge maior patamar em agosto

Próximo Post

Governador assina Ordem de Serviço para recuperação de estradas vicinais em três municípios