0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 25/07/2022 11:04

O número de eleitores jovens de 16 a 17 anos aptos a votar cresceu mais de 51% em relação a 2018. Na última eleição, eles somavam 1,4 milhão de votantes (0,95% do total). Hoje, são 2.116.781, representando mais de 1,3% do total do eleitorado nacional. 

No grupo de idosos com mais de 70 anos, o crescimento no número de eleitores foi de 24% em relação à última eleição presidencial. 

Ambos os grupos não são obrigados a votar. Os números são do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

ELEITORES GERAIS

O número de eleitores gerais para 2022 cresceu 6,21% quando comparado às eleições de 2018, um acréscimo de cerca de 9 milhões de pessoas. O aumento supera o próprio crescimento de 1,47% da população no mesmo período, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

CAMPANHAS 

A campanha “Bora Votar!”, lançada em 2021, e a Semana do Jovem Eleitor, em 2022, mobilizaram toda a Justiça Eleitoral para incentivar adolescentes a partir de 16 anos incompletos mas que já teriam essa idade em 2 de outubro a tirarem o seu primeiro título de eleitor.

No dia 16 de março, houve um “tuitaço” para motivar os jovens a tirarem o título. Perfis oficiais como o do do TSE, dos TREs (Tribunais Regionais Eleitorais), de diversos influenciadores digitais, de organizações da sociedade civil e de instituições públicas e privadas participaram.

Segundo dados da plataforma, foram publicados durante a mobilização cerca de 6.800 tweets com esse tema, que chegaram às telas de mais de 88 milhões de pessoas. Mais de 4.700 usuários do Twitter participaram da iniciativa, fazendo suas próprias publicações ou retransmitindo as postagens feitas por pessoas que seguem.

Post Anterior

Entenda o sistema de alerta do TSE contra desinformação nas eleições

Próximo Post

Sete a cada dez egressos de cursos técnicos do SENAI estão empregados segundo pesquisa nacional da instituição; matrículas no TO encerram esta semana

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.