0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 27/07/2022 14:53

Ainda na entrevista ao portal UOL, Lula fez uma deferência às Forças Armadas em sua fala. O petista disse não acreditar que haja apoio do alto comando das Forças Armadas para uma ruptura institucional, e definiu que eles seriam os adultos na sala.

“Os militares são mais responsáveis que o Bolsonaro”, disse. O ex-presidente continuou:

“Eu convivi com os militares e posso dizer que não tenho queixa do comportamento das Forças Armadas. Eles nunca me criaram um único problema, me ajudaram no que era possível ajudar.”

Ele ainda garantiu que, se Bolsonaro “começar a brincar com a democracia”, vai pagar um “preço muito caro” – Lula, no entanto, não indicou que preço seria esse.

Mais cedo, na mesma entrevista, Lula disse que quer um civil no comando do Ministério da Defesa, caso seja eleito.

Post Anterior

PSDB e Cidadania fecham apoio a Simone Tebet

Próximo Post

Em encontro com médicos, Bolsonaro volta a atacar urnas eletrônicas e o STF

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.