0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 02/04/2018 15:48

A entrevista coletiva com políticos do Partido Democrático Trabalhista(PDT), no gabinete da Kátia Abreu em Palmas, nesta segunda-feira, 2, é para tratar da filiação festiva da senadora, mas já trouxe uma das mensagens dela ao governador interino Mauro Carlesse (PHS). 

A senadora disse esperar por “equilíbrio porque o Tocantins não suporta mais viver intensamente campanhas eleitorais como vivemos nos últimos 10 anos”. E ela fez um breve retrospecto histórico das cassações e da renúncia de ex-governadores. “Eu peço a Deus e peço ao governo interino Mauro Carlesse que possa agir com equilíbrio e veja em primeiro lugar o interesse dos tocantinenses e não seu interesse próprio. Eu acho que é isso que o tocantinense espera e eu também”, reforçou.

Katia Abreu aguarda a regulamentação das eleições suplementares para decidir sobre candidatura ao governo tampão. 

O pré-candidato do PDT à presidência da República, Ciro Gomes, elogiou as qualidades da senadora e a importância da sua filiação ao partido. Ouça:

Post Anterior

Senadora Kátia Abreu abre coletiva dizendo que Ciro Gomes tem bons projetos para o Brasil

Próximo Post

Ao lado de ministro Fernando Coelho, de deputados estaduais e federais, Carlesse inaugura energia elétrica em comunidade quilombola