0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 20/01/2021 17:03

A volta às aulas na rede municipal de ensino de Gurupi, marcada para 08 de fevereiro, ainda deve ser em formato remoto, como ocorreu no segundo semestre do ano passado. Um planejamento estratégico já foi traçado pela Secretaria de Educação de Gurupi para o retorno presencial, o que depende da deliberação do Comitê Gestor de Prevenção à doença no município. 

Segundo a Secretária de Educação de Gurupi, Amanda Costa, quando todas as escolas forem reabertas, as normas sanitárias de biossegurança serão seguidas, com total proteção para alunos, professores e funcionários. “Nossa equipe já está preparada dentro do que regem os protocolos para esse retorno. Quando os comitês gestores, tanto estadual quanto municipal, de prevenção a Covid definirem pelo retorno presencial, nós já estaremos com tudo muito bem organizado. Até o dia 31 deste mês, ainda seguiremos o atual decreto que impossibilita o retorno das aulas presenciais”, explica a secretária reforçando que a previsão é que não haja o retorno das aulas presenciais em fevereiro, até que os números da doença se estabilizem.  

Escola da Rede Municipal de Gurupi. Foto: Divulgação.

Conforme o calendário escolar do município, o ano letivo de 2021 começa com a volta às aulas, marcada para o próximo dia 8. 

Rede particular

Na rede particular de ensino, onde existe a reivindicação pela retomada das atividades presenciais, o cenário é um pouco diferente para algumas modalidades.  

Os ensinos fundamental e médio nas escolas privadas são regidos pelo Conselho Estadual de Educação. “Não é o município que delibera sobre essa rede, e ela também é regida pelo decreto de prevenção a Covid que segue em vigência até o final deste mês, portanto, também não podem ter aulas presencias”, disse a secretária. 

De acordo com Amanda, no final de janeiro haverá novas deliberações do comitê para fevereiro, e que estas poderão, ou não, trazer alterações a respeito do formato das aulas. “As escolas particulares de Gurupi que ofertam ensino médio, já podem retornar às atividades presenciais, desde que façam um planejamento de prevenção a Covid e encaminhe ao Conselho Estadual de Educação para aprovação”, reforçou Amanda. 

Post Anterior

Lewandowski dá 72 horas para Anvisa informar sobre análise da Sputnik

Próximo Post

Tocantins contabiliza 528 novos casos confirmados da Covid-19