0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 28/06/2022 09:53

A abertura da 4ª Conferência Nacional de Educação (Conae), etapa estadual, ocorreu na noite dessa segunda-feira, 27, e contou com a presença do Governo do Tocantins. Na solenidade, que reuniu representantes do poder público, da sociedade civil e profissionais da educação de todo Estado, em Palmas, deu início o debate sobre políticas públicas de promoção e fortalecimento da educação. A discussão entre delegados representando os 139 municípios e a eleição que vai escolher quem vai representar o Tocantins seguem até quarta-feira, 29. 

O governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, aproveitou a oportunidade para reafirmar o compromisso do Estado com os professores das escolas públicas pagando as progressões atrasadas. “Estamos fazendo austeridade onde podemos para garantir os direitos dos professores. São eles que formam nossos alunos, que educam e que qualificam, então merecem todos os direitos. É o nosso compromisso” afirmou o chefe do executivo estadual. 

O secretário da Educação, Fábio Vaz, também destacou que a educação é prioridade na atual gestão. “É momento de discutir educação após anos de escolas fechadas por conta da pandemia. É difícil trabalhar educação sem planejamento, então hoje se inicia mais esse momento de discussão. Estamos aqui para definir os 11 delegados que nos representarão em Brasília, com o olhar para o futuro”, enfatizou o secretário, que também abordou que a gestão vem elaborando uma proposta educacional de cinco anos para o Tocantins. 

IV Conae

O objetivo da Conferência Nacional da Educação, que ocorre do dia 27 a 29 de junho, no auditório da Escola Estadual Profª. Elizângela Glória Cardoso, em Palmas, é conclamar educadores tocantinenses para ajudar na elaboração e aprovação do novo Plano Nacional de Educação (PNE), sendo nesta edição da 4ª Conae a elaboração do decênio 2024-2034. 

Representando a Conae a nível Nacional, o coordenador da Comissão de Mobilização e Divulgação do Fórum Nacional de Educação, Arnaldo Freire, elogiou a estrutura do evento montada pela Secretaria Estadual da Educação (Seduc) e explicou que os próximos três dias serão essenciais para a escolha de representantes do Tocantins a nível nacional. 

“Hoje estamos aqui na etapa estadual do Estado do Tocantins. Os municípios daqui já realizaram suas conferências e agora é abertura do encontro estadual. O intuito é discutir, primeiro, o que será levado à etapa nacional e, depois, escolher nos próximos dois dias quem são os delegados que irão participar da conferência na etapa nacional”, ressaltou Arnaldo Freire.

Etapas Municipal, Estadual e Nacional

Conforme a Seduc, no Tocantins foram três meses de ações nos 139 municípios. Em cada local, foram apresentados os eixos temáticos, realizadas formações e definidas as propostas de cada cidade para a elaboração do novo Plano Nacional da Educação. Cerca de 240 delegados foram eleitos para a etapa estadual

Na etapa Estadual, os delegados participam, entre os dias 27 e 29, de palestras, mesas redondas e estudos de três eixos para elaboração do documento modelo do Tocantins . No encerramento da etapa estadual, no dia 29 de junho, ocorrerá a Plenária Final e a eleição dos 11 delegados que apresentarão as propostas do Estado na etapa Nacional.

 Já a etapa Nacional da Conae ocorrerá no final do mês de novembro e início de dezembro, em Brasília. A quarta edição da conferência terá como tema: Inclusão, equidade e qualidade: compromisso com o futuro da educação brasileira, para elaboração do PNE, decênio 2024-2034.

Post Anterior

Governo do Tocantins entrega Escola Estadual de Tempo Integral Professor Antônio Belarmino Filho, em Pedro Afonso, nesta terça-feira, 28

Próximo Post

53º Aniversário da Primeira Igreja Batista de Colinas