Home»Cultura»Espetáculo AmazôniCantoria é destaque da Quarta Clássica Especial na quarta-feira, 22

Espetáculo AmazôniCantoria é destaque da Quarta Clássica Especial na quarta-feira, 22

Atualizada em: 17/05/2019 17:26

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

No mês do aniversário de Palmas, a Quarta Clássica apresenta o melhor da música regional no espetáculo AmazoniCantoria, que reúne os cantores e compositores Dorivã, Genésio Tocantins, Juraíldes da Cruz, Braguinha Barroso e Lucimar.

O evento acontece no Theatro Fernanda Montenegro, 22 de Maio, às 20 horas, e faz parte da programação do aniversário de 30 anos de Palmas. Os ingressos podem ser adquiridos na Loja da Fundação Cultural no Capim Dourado Shopping.

Em AmazoniCantoria os principais músicos tocantinenses resolveram juntar obras de mais de 40 anos de história, com vários discos gravados para presentear o público com músicas e composições de qualidade que retratam a cultura do povo da região Norte do Brasil, e assim fomentar a música que é feita no Tocantins, pelos compositores do Estado.

Serão os cinco maiores cantores e compositores do Tocantins em um show que tem por objetivo difundir a riqueza cultural tocantinense por meio de suas obras musicais. 

O show é uma realização do Instituto Arte Educacional Utambor, com apoio da Fundação Cultural de Palmas,  tem a Direção Geral e Produção Executiva de Graziela Cortez; a Direção Musical de Lucimar; e vozes e violões por Lucimar, Dorivã, Genésio Tocantins, Juraildes da Cruz e Braguinha Barroso. E ainda Denis Kissner como Técnico de Som; e Charles Ferreira de Oliveira como Técnico de Luz e Som.

Repertório

O repertório será composto com as seguintes canções, a maioria já consagradas no cancioneiro popular tocantinense: 1 – Portal Amazônico (Lucimar); 2 – Romeiro do Bonfim (Dorivã); 3 – Estrela de Muquém (Braguinha Barroso); 4 – Quem Ama Perdoa (Juraildes da Cruz); 5 – Meu Tocantins (Lucimar); 6 – Passarim do Jalapão (Dorivã); 7 – Saudade Marajoara (Braguinha Barroso); 8 – Frutos da Terra (Genésito Tocantins/Hamilton Carneiro); 9 –Taquarulua (Dorivã); 10 – Recado de Dona Miúda (Genésio Tocantins); 11 – Catirandê (Lucas Faria/Braguinha Barroso); 12 – Nóis é Jeca mas é joia (Juraildes da Cruz); 13 – Meninos (Juraildes da Cruz); 14 – Dodói (Juraildes da Cruz) – Sussa Tradicional (domínio público); e Sou tocantinense (Lucimar/Nilo Alves). (Com informações da Fundação Cultural de Palmas)

Post Anterior

Semana do MEI começa nesta segunda-feira,20, nas sedes do Sebrae em 38 municípios tocantinenses

Próximo Post

Energisa homenageia os 30 anos de Palmas: vídeo