0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 02/12/2019 18:09

O Presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda- feira,02, que a taxa da Selic, atualmente em 5% ao ano, deve ter um novo corte de 0,5 pontos percentuais no final de 2019. Sem citar diretamente o nome da ex-presidente Dilma, o presidente comentou que no governo dela a Selic, a Selic chegou a 7,25% ao ano, o menor patamar até então. ¨Hoje sem canetada, (a Selic ) está em 5% (ao ano). Deve chegar a 4,5% (ao ano). Eu torço, né?¨. afirmou Bolsonaro.

O Comitê de Política Monetária (Copom) se reúne na terça e quarta-feira da próxima semana e vem sinalizando um corte de 0,5 ponto percentual na taxa básica de juros. Atualmente a Selic está em 5% ao ano.

Falando de improviso no meio da plateia, Bolsonaro disse que apoia o projeto de autonomia do banco Central, mas afirmou que o presidente da autoridade monetária, Roberto Campos Neto,  relatou a ele que não tem pressa para aprovar a autonomia porque se considera independente no governo.

¨Nós tivemos coragem de enviar para o congresso um projeto para tornar independente o Banco Centra, para não ter indicação politica, como sempre teve. O atual presidente Roberto Campos, perguntei para ele nesses dias: Você está com pressa para ser aprovado esse projeto no Congresso? Ele respondeu: Não porque eu me considero independente do seu governo¨, disse Bolsonaro.

Acompanhado do Presidente da Caixa, Pedro Guimarães, Bolsonaro elogiou ainda a atuação do banco público. ¨Com a política ( da Caixa ) de reduzir os juros, aumenta o lucro e diminui a inadimplência¨, disse o presidente. Além disso, segundo ele, o fato de a caixa ter reduzido as taxas do cheque especial fará com que outras instituições financeiras tenham que acompanha-la.   

Post Anterior

Começa na terça-feira, 03, campanha de Renegociação de Natal em Porto Nacional

Próximo Post

Clientes podem negociar débitos com a Energisa até 27 de dezembro; desconto chega a 100%

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *