0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 25/07/2022 16:36

O secretário especial de Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Esteves Colnago, disse nesta segunda-feira (25) que a proposta de Orçamento para 2023 irá prever um Auxílio Brasil de R$ 400.

A decisão contraria o presidente Jair Bolsonaro, que prometeu manter o benefício em R$ 600 durante o lançamento de sua candidatura à reeleição neste domingo (24), no Rio de Janeiro.

Segundo o secretário, o texto, que será enviado ao Congresso até 31 de agosto, só pode prever o que está estabelecido em lei.

“Temos um marco legal e a obrigação do marco legal é de um auxílio de R$ 400. Acho que não vamos ter uma mudança até a PLOA [proposta de lei orçamentária anual]”, disse Colnago.

Post Anterior

O que dizem as mais novas pesquisas para presidente?

Próximo Post

Para se ganhar uma eleição Bolsonaro promete: "Vamos atender o Flamengo", sobre novo estádio

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.