Home»Cultura»Drácula abre temporada de espetáculos no Theatro Fernanda Montenegro

Drácula abre temporada de espetáculos no Theatro Fernanda Montenegro

Personagens clássicos da história também serão relembrados na interpretação da Cenaberta, como o jovem Van Der Vilson

Atualizada em: 03/03/2020 14:14

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

A mais famosa história de vampiros da literatura e do cinema, ‘Drácula’ acaba de ganhar mais uma adaptação para os palcos do teatro. A comédia teatral é o próximo espetáculo do repertório da Cia de Teatro Cenaberta, que entra em cartaz no Theatro Fernanda Montenegro, de 05 a 09 de março deste ano, às 20 horas. O espetáculo conta com apoio da Fundação Cultural de Palmas (FCP). Os ingressos custam R$ 30 inteira, e podem ser adquiridos antecipadamente no restaurante Maria Isabel, ou na portaria do teatro, nos dias do espetáculo.

A obra homônima a de Bram Stoker é idealizada e roteirizada pelo dramaturgo paulistano Wilson Fumoy, que traz boas e divertidas histórias passados alguns anos à frente dos tempos tradicionais de Conde Drácula. “Como estaria o famoso e honrado Conde Drácula nos dias de hoje? A decadência, as necessidades tão diferentes dos tempos antigos fizeram de nosso imortal um homem fraco e falido”, explica o autor, na sinopse do espetáculo.

Personagens clássicos da história também serão relembrados na interpretação da Cenaberta, como o jovem Van Der Vilson, que tem a única preciosidade que pode tirar Drácula desta penúria: uma noiva virgem. “Como conquistá-la? Nesta comédia tudo pode acontecer já que a vida cobra a vida daqueles que não são éticos”, complementa a sinopse do espetáculo.

Os textos do dramaturgo Wilson Fumoy já são velhos conhecidos dos fãs do teatro no Tocantins, pois o escritor é também responsável pelos textos dos espetáculos Torrenegra e O Antiquário Frankl, já apresentados em diferentes temporadas no Tocantins e pelo Brasil afora também pela Cia Cenaberta.

Elenco

O elenco do espetáculo é composto pelos atores Thiago Omena, Juliano Gomes, Sheyla Virginio, Tchelly Paixão e Felipe Trindade, que estarão sob a direção do ator Kaká Nogueira e produção da atriz Bell Gama.

De acordo com o diretor, a intenção é alcançar o máximo das dimensões possíveis da obra e apresentar ao público um espetáculo ousado, diferente dos chavões da dramaturgia do terror.

Cia Cenaberta

A Cia. Cenaberta, com mais de 10 anos de atividade, vem se destacando no cenário cultural do Estado do Tocantins, onde tem produzido e encenado espetáculos teatrais de alta qualidade artística e estética. Estas produções já foram apresentadas em vários estados brasileiros e importantes teatros como Theatro Fernanda Montenegro, em Palmas; Teatro Goiânia, em Goiânia; Teatro Sesc Roraima, em Boa Vista; Teatro Bradesco, em Belo Horizonte e Theatro Arthur Azevedo, em São Luis; Teatro do MON, em Curitiba, e esteve presente na Mostra Fringe – Festival de Curitiba (2010), Mostra Diabo Velho – Sesc Goiás (2013) e Mostra Jiquitaia – Sesc Tocantins (2011 a 2014), onde recebeu alguns prêmios como o de melhor ator, atriz e espetáculo.

Entre as montagens teatrais, produzidas pela Cia. Cenaberta de Teatro, destacam-se: Drácula (2020); O Antiquário Frankl (2019-2020); Língua PreZa (2015); Torrenegra (2009/2017); Dias Difíceis (2012/2016). Também se destaca o projeto social da Cia. Cenaberta, que visa a formação de jovens em pequenas cidades do interior do Tocantins, por meio do Projeto Poquelin – formação inicial para o teatro.

O Autor

O paulista Wilson Fumoy é especialista em dramaturgia, diretor e escritor. Recebeu pelos seus textos menções honrosas do Ministério da Cultura, Conselho Nacional Antidrogas e Secretaria de Cultura de Belo Horizonte. Suas peças encenadas foram premiadas em vários festivais nos municípios de Guarulhos e São Paulo. O texto ‘Os Arquivistas’ fez parte do Fórum Mundial Cultural, e ‘Game Over’ foi levado aos palcos pela Turma do Gueto da Rede Record.

Ficha Técnica

Texto: Wilson Fumoy

Realização e Produção: Companhia Cenaberta de Teatro

Direção: Kaká Nogueira

Codireção: Ana Friedlander

Assistente de Direção e Produção: Bell Gama

Preparador de Elenco: Juliano Gomes

Elenco: Thiago Omena, Juliano Gomes, Sheyla Virginio, Tchelly Paixão e

Felipe Trindade

Ascom: Cinthia Abreu

Iluminação: Kaká Nogueira e Thiago Omena

Sonoplastia: Fábio Geriz

Cenografia e Cenotécnica: Renato Moura, G.A e Kaká Nogueira

Post Anterior

O que interessa ao país

Próximo Post

Começa o prazo para recadastramento de empresas registradas no serviço de inspeção estadual