0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 17/06/2019 18:31

O 27º Arraiá da Capital começa nesta quarta-feira, 19, trazendo shows musicais, cidade cenográfica, Coreto do Forró e Vila Gastronômica. Mas, não existe festa junina que se preze sem apresentação das tradicionais quadrilhas juninas, e no Arraiá da Capital o Concurso de Quadrilhas Juninas é o grande momento da festa. Este ano, 17 Juninas participam da competição, sendo oito no Grupo de Acesso e nove no Grupo Especial.

Anualmente o Arraiá da Capital premia os seguintes quesitos: Melhores Quadrilhas Juninas, do Grupo Especial, Grupo de Acesso e Comunidade; Rainhas do Arraiá da Capital; Melhor Animador/Marcador; Melhor Casal de Noivos; Melhor Casal de Reis.

Para a apresentação as juninas devem conter os seguintes componentes: Animadores/marcadores; damas e cavalheiros; reis e rainhas; noivos e noivas e atores e figurantes. Cada Quadrilha Junina do Grupo Especial deverá apresentar-se com o mínimo de 20 pares, ou seja, 40 componentes. Já as Quadrilhas Juninas do Grupo de Acesso deverão apresentar-se com o mínimo de 16 pares, ou seja, 32 componentes. Além dos componentes as Quadrilhas também contam com uma equipe de apoio.

Foto: Junior Suzuki

Ao entrar na Arena, as Juninas precisam possui 30 minutos para exibirem seu espetáculo, seguindo os critérios oficiais. Já o tempo de apresentação das Rainhas é de cinco minutos, quando serão julgadas pelos quesitos Coreografia (Beleza e desenvoltura na dança); Simpatia; Figurino e Elegância.

As apresentações serão julgadas por uma comissão formada por 12 jurados que irão avaliar os seguintes quesitos: Coreografia e Harmonia; Animação; Figurino; Repertório Musical; Animador/Marcador; Tema; Alegoria/cenário (quesito exclusivo para julgamento do Grupo Especial).

Post Anterior

Plano Safra manterá R$ 10 bi de subsídios para crédito rural

Próximo Post

Operação Catarse cumpre dois mandados judiciais de busca e apreensão