0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 24/06/2022 08:05

Jair Bolsonaro sancionou nesta quinta (23) o projeto de lei que limita o ICMS sobre combustíveis, energia elétrica, gás natural, comunicações e transporte coletivo, aprovado pelas duas Casas do Congresso na semana passada, informa O Globo.

O presidente vetou, no entanto, a compensação aos estados para manter os mesmos valores de gastos com saúde e educação —pagos pelo ICMS— anteriores à sanção da lei.

Durante a tramitação do projeto no Congresso, governadores de diversos estados atacaram a proposta e argumentaram que a limitação da alíquota do ICMS provocaria uma perda de arrecadação de cerca de R$ 80 bilhões.

Post Anterior

Martin Duplessis assume a liderança das motos no Rally Jalapão

Próximo Post

Datafolha: 55% não votam de jeito nenhum em Bolsonaro, e 35% rejeitam Lula

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.