0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 16/06/2022 12:32

Em mais uma defesa do armamento da população, o presidente Jair Bolsonaro fez leitura conservadora da Bíblia e afirmou nesta quarta-feira que Jesus Cristo “não comprou pistola porque não tinha” na época em que viveu.

Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada, divulgada nesta tarde por canais bolsonaristas na internet, o presidente resgatou um trecho bíblico para justificar sua tese. “Jesus os adverte: ‘Agora, porém, quem tem bolsa, pegue-a, assim como a mochila de viagem; e quem não tem espada, venda a própria capa e compre uma'”, diz, citando o capítulo 22, versículo 36 do Evangelho de Lucas.

Bolsonaro também teceu novas críticas ao ex-presidente Lula (PT), seu principal adversário nas eleições deste ano. “Para ele, fazer aborto é igual extrair um dente”, declarou aos apoiadores presentes.

Post Anterior

O Ministro das Comunicações Fábio Faria diz que renovação de concessão da Globo será "100% técnica"

Próximo Post

Defesa sugere reunião entre técnicos das Forças Armadas e do TSE para 'dirimir eventuais divergências'

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.