0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 20/07/2022 08:31

Com programas de incentivo à estruturação física dos municípios, em especial aqueles que tem aumento do fluxo de pessoas devido à temporada de praias, o Estado do Tocantins disponibilizou mais de R$ 1,1 milhão de investimentos para as cidades da região do Bico do Papagaio.

O intuito dos repasses é auxiliar os municípios na infraestrutura das praias e eventos culturais, como é o caso da Exposição Agropecuária (Expoara), que ocorre neste mês de julho em Augustinópolis, além de fortalecer a característica municipalista do Estado do Tocantins.

O Programa de Fortalecimento da Economia e Geração de Emprego, além das verbas destinadas exclusivamente para a estruturação física dos municípios, visando a temporada de praias e eventos culturais, também destina R$ 2 milhões a cada município do Tocantins para revitalização de vias municipais. Os recursos do Programa de Fortalecimento também estão sendo investidos pelos gestores municipais em ações de infraestrutura que preparam a cidade para a temporada de praia e movimentam a economia das cidades e da região.

Maurilândia

Maurilândia, cuja Praia do Pombal não tinha tanta visibilidade, pôde contar com estes repasses. Segundo o secretário de Infraestrutura do município, Genivaldo Cavalcante, a cidade passou praticamente um ano sem receber obras. Os R$ 2 milhões recebidos pelo Programa de Fortalecimento da Economia e Geração de Emprego serão totalmente investidos na pavimentação de bairros importantes da cidade. “São aproximadamente 10 ruas asfaltadas, todas no bairro Vila São Cristóvão”, enfatizou.

Com a pavimentação dividida em três etapas, o município já está na fase de prestação de contas da primeira etapa, aguardando o segundo repasse para dar continuidade às obras. O terceiro repasse será utilizado para a finalização e sinalização das novas vias asfaltadas, com meio fio, calçadas, placas, entre outros.

A dona de casa Brenda Cardoso, de 18 anos, se mudou para o bairro Vila São Cristóvão há três meses e afirma que a rua em que mora estava quase intransitável devido ao mato. Depois que o asfalto chegou em sua porta, ela é só elogios. Recém-casada com Marcos da Silva Araújo, de 22 anos, ela é natural de Imperatriz, no Maranhão. Para Brenda, a chegada do asfalto foi um avanço para os moradores do bairro. “Trouxe muitas melhorias, principalmente no acesso à nossa casa e no trânsito para ir ao trabalho”, afirma a dona de casa.

Praia do Pombal

O município de Maurilândia também recebeu R$ 120 mil para as praias. O secretário Genivaldo Cavalcante conta que a cidade pleiteou a verba estadual de última hora e que esse valor ajudou a aumentar a estrutura da Praia do Pombal, proporcionando mais comodidade e conforto para os visitantes e trabalhadores. Foram registrados oito barraqueiros e cinco barqueiros, que realizam a travessia. A praia pôde contar, também, com um gerador de energia mais potente, possibilitando a construção de um palco maior, elevando a experiência de praia do município a todos aqueles que visitarem Maurilândia.

Araguatins

Já a prefeitura de Araguatins dividiu a verba do Programa de Fortalecimento da Economia e Geração de Emprego para duas obras essenciais: R$ 500 mil foram destinados para a reforma da Feira Municipal e os R$ 1,5 milhão restantes foram utilizados para a pavimentação da Vila Madalena que, segundo o prefeito Aquiles da Areia, estava em situação de calamidade, abandono e isolamento. O gestor estima que as obras finalizem em até dois meses.

“Araguatins tem 150 anos de emancipação política, uma das melhores estruturas de praia no Bico do Papagaio, e ainda assim tínhamos vários gargalos na cidade. Com esses repasses, conseguimos trazer conforto não só para os araguatinenses, mas para os vários turistas que frequentam nossa cidade”, enfatizou Aquiles da Areia. 

Moradora da Vila Madalena há quatro anos, a dona de casa Elza Borges lembra que, antes das obras de pavimentação no bairro, era praticamente impossível transitar pelas ruas, sobretudo em época de chuva. “Era uma situação de isolamento total. Essas obras já estão trazendo muitos benefícios pra gente”, contou Elza, que é natural de Araguatins.

Praia da Ponta

A empreendedora Dalva Pereira Machado monta e abre sua barraca na Praia da Ponta há 20 anos. Com o negócio, a comerciante conseguiu criar duas filhas. Ao lado do esposo Edmilson Rodrigues, ela também mantém um bar no centro de Araguatins e está em todos os eventos realizados no município, mas destaca sua preferência.

“Nada se compara à praia. Gosto muito de trabalhar aqui! Sinto um ambiente seguro, além de lindo”, afirma Dalva Pereira Machado.

Para a professora Nádia Paixão, a diversão fica completa quando se está com a família.  Araguatinense, Nádia estava com as filhas Nicolly, 17, Najela, 15 e Nathielly, 14, aproveitando o lazer e a descontração da Praia da Ponta. “Este é o melhor momento da cidade, porque reúne amigos e família”, ressaltou.

Tocantinópolis

As verbas do Programa de Fortalecimento em Tocantinópolis estão sendo destinadas para a pavimentação asfáltica entre o Povoado Pedro Izaias até o Povoado Chapadinha. As obras, que ainda estão em fase inicial, contemplarão uma extensão de 3,2 km da via e atenderão toda uma população que, atualmente, encontra-se isolada do centro da cidade. As informações são do secretário de Obras, Transporte e Infraestrutura do município, Tássio Carvalho Canjão.

Praia da Santa

A Praia da Santa, em Tocantinópolis, recebeu verbas do Estado do Tocantins na ordem de R$ 100 mil para sua melhor estruturação e contratação de atrações culturais para receber melhor os mais de 5 mil visitantes esperados para esta temporada de 2022.

O secretário Tássio Canjão explicou que o valor foi aplicado na construção de 16 barracas, na estruturação física para melhorar o acesso de barqueiros responsáveis pela travessia, além de atrações culturais que acontecem tanto na praia em si, quanto na orla do município.

A beleza do rio Tocantins também é cenário de grandes histórias de amor, como a do casal Valdomiro Dall Agnol, de 78 anos, e Doris Marina Dall Agnol, 72. Ele é gaúcho, da cidade de Lagoa Vermelha, e ela tocantinense, de Tocantinópolis. Eles se conheceram em Goiânia e, em menos de 15 dias, já se casaram e estão juntos até hoje, celebrando 40 anos de casados. Durante esses anos de casamento, sempre que podem vão para a Praia da Santa, tanto é que já compraram uma residência no município.

“Viajamos pelo mundo todo, mas o mês de junho tem que ser aqui, não adianta,” afirma Valdomiro Dall Agnol. Para Doris Marina, o local é de reencontro, momento em que eles voltam a ser namorados e reforçam o amor, além de ser um momento perfeito para rever amigos e família. “Vir para cá em julho é sagrado! Não troco aqui por nada”, enfatizou emocionada.

Ilha do Amor, em São Sebastião

Já São Sebastião, município a 665 km de Palmas no extremo norte do Estado, recebeu R$ 150 mil para a realização da temporada de praia, investidos na Ilha do Amor. A verba foi destinada para a montagem da estrutura da praia e a contratação de atrações musicais. O local já está com a estrutura montada. A programação da temporada de praia foi iniciada no dia 10 de junho, prosseguindo até o dia 07 de agosto.

A cidade também recebeu recursos do Programa de Fortalecimento e destinou a verba para a recuperação e construção da orla da cidade. O prefeito da cidade, Adriano Rodrigues, conta que esta obra é de grande importância para o fomento do turismo de São Sebastião.

“É uma obra muito importante, o município fica localizado às margens do Rio Tocantins, com muito potencial turístico. Esse investimento do Estado do Tocantins é fundamental para que possamos colocar em prática o projeto de desenvolvimento urbano e turístico”, afirma o gestor.

De acordo com o prefeito Adriano Rodrigues, essa obra beneficia além dos turistas e visitantes, os moradores da cidade e a colônia de pescadores do município. A obra de recuperação e construção da orla de São Sebastião fortalece a economia do município por facilitar o acesso ao Rio Tocantins, além da valorização da área urbana.

Ilha Cabral, em Aguiarnópolis

Vizinha de Tocantinópolis, Aguiarnópolis também recebeu recursos do Estado do Tocantins para a realização da temporada da praia. O valor de R$ 100 mil foi destinado para contratação de atrações musicais, reforço da segurança e licenciamento ambiental da Ilha Cabral, lugar onde o evento será realizado.

A temporada de praia em Aguiarnópolis é realizada juntamente com a prefeitura de Estreito, no Maranhão. Ficou acordado entre as gestões que o Estado vizinho seria responsável pela estrutura da praia, como montagem de palco e infraestrutura de barracas, cabendo ao Estado do Tocantins atuar no reforço policial e na programação cultural.

A gestão municipal de Aguiarnópolis está atuando na segurança e policiamento com mais oito policiais militares. Para movimentar a praia e os dias de lazer dos visitantes, foram contratadas as atrações nacionais Mariana Fagundes e Biu do Piseiro. A temporada de praia no município iniciou em 10 de julho e prosseguirá até 14 de agosto.

Em relação à verba repassada pelo Programa de Fortalecimento da Economia e Geração de Emprego, a prefeitura de Aguiarnópolis destinou os valores para a pavimentação em TSD de cinco ruas do setor Jardim Cabral.

“Esta é uma ação que beneficia não só Aguiarnópolis, mas toda a região Norte do Estado. Investimos em estrutura para os turistas, além de cuidar da infraestrutura da nossa cidade. Sem esse apoio, a prefeitura não teria condições de fazer”, enfatiza o prefeito de Aguiarnópolis, Wanderly dos Santos.

Post Anterior

Fundação de Esporte e Lazer abre inscrições para a Meia Maratona de Palmas

Próximo Post

Operação da PF mira fraudes na Codevasf, comandada pelo Centrão

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.