Home»Comunidade»Aterro sanitário de Palmas: IFTO vai monitorar o sistema de tratamento o chorume e das águas subterrâneas

Aterro sanitário de Palmas: IFTO vai monitorar o sistema de tratamento o chorume e das águas subterrâneas

Atualizada em: 10/10/2018 09:13

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Com o objetivo de monitorar o sistema de tratamento do chorume e das águas subterrâneas e residuárias do Aterro Sanitário da Capital, a prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, assinou na segunda-feira, 08, Termo de Cooperação Técnica com Campus Paraíso do Tocantins do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), nesta terça-feira, 9.

Com a assinatura, será possível o monitoramento mensalmente do tratamento do chorume e das  águas subterrâneas e residuárias do Aterro Sanitário da Capital,   por alunos do Instituto,  coordenados por professores e técnicos, dos cursos técnicos em Meio Ambiente e Licenciatura em Química nos laboratórios da unidade do IFTO.

O técnico operacional do Aterro Sanitário de Palmas, Adelúzio Azevedo, destacou que o Instituto possui um dos melhores  laboratório  de análise do Estado e o  monitoramento do chorume e das águas é exigido por lei. As análises do  tratamento do chorume e das  águas subterrâneas e residuárias do Aterro Sanitário da Capital serão feitas nos laboratórios de análises física, química, microbiológica e águas e efluentes do Campus Paraíso do Tocantins.

“As análises já vão começar a ser feitas a partir do dia 16 de outubro, pelo menos duas vezes mensais”, informou Azevedo, acrescentando que a parceria com o IFTO é muito bem-vinda, porque além de gerar  economia dos recursos públicos, pelo fato de a instituição não cobrar pelo serviço,  a parceria contribuirá  com a formação de profissionais melhores capacitados.

Post Anterior

Segundo turno: Senador Magno Malta comandará ato pró-Bolsonaro em Palmas nesta quarta

Próximo Post

Uísque falsificado: homem é detido com 'litrão' de bebida 'duvidosa'