0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 31/07/2020 14:47

Nesta sexta-feira, 31, termina o período de assinatura dos contratos habitacionais. Já a entrega das chaves que havia sido anunciada para o dia 5 de agosto, foi agora confirmada pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, para o dia 12 de agosto, com a presença do ministro Rogério Marinho. Os futuros moradores que não puderam comparecer no dia do seu agendamento para assinatura do contrato têm até amanhã para fazê-lo.

As assinaturas começaram na terça-feira, 28, no Centro de Convenções Parque do Povo Arnoud Rodrigues, com previsão de atendimento nestes quatro dias dos 500 beneficiários, divididos em grupo por ordem alfabética de 125 pessoas por dia. Sempre a partir das 14h.

No último dia da fase de assinaturas, estão agendados os contemplados com nomes iniciando com a letra M até a letra Z. A lista com os agendamentos pode ser acessada no site da Prefeitura .

Quem não compareceu no dia do seu agendamento para assinatura do contrato têm prazo até essa sexta, 31. Foto: Edu Fortes.

No momento da assinatura só é permitida a entrada do beneficiário acompanhado do cônjuge, que também assina o contrato; ou de procurador, quando for o caso, e ainda acompanhante de pessoas com limitações. É obrigatória a apresentação de documento oficial com foto (original), além de duas fotocópias. Na oportunidade, os futuros moradores também entregam cópias dos documentos a equipes da BRK Ambiental e Energisa S/A e assinam autorização para ligação de água e energia,

A logística das assinaturas foi pensada com muito cuidado pela equipe da Secretaria Municipal de Habitação para evitar aglomeração de pessoas, e contou com uma equipe do projeto “Palmas de Mão Limpas”, que faz a medição da temperatura, assepsia das mãos com álcool em gel, reforça a obrigatoriedade do uso da máscara e orienta quanto a manutenção do distanciamento.

Jardim Vitória I

Os selecionados do empreendimento Jardim Vitória I são famílias já sorteadas que atendem critérios do Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) – Faixa I. As prestações variam de R$ 80,00 a R$ 270,00, a depender da renda de cada família. Cada lote do empreendimento tem 180 m² com uma casa de 44,58 m² de área construída dividida em dois quartos, sala integrada à cozinha, banheiro e área de serviço. O residencial será entregue com infraestrutura completa.

Post Anterior

A importância de uma equipe especializado em TI dentro da sua empresa

Próximo Post

Prefeita de Palmas veta Lei da Câmara que eleva despesas com pessoal

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *