0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 09/05/2019 14:54

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, cerca de cinco homens orquestraram a ação criminosa, todos encapuzados e armados de pistola. O assalto à agência do Sicredi, aconteceu na manhã desta quinta-feira, 09, em Araguatins.

Na noite anterior, 08, por volta das 23h, a tesoureira da agência, juntamente com o esposo e o filho de 01 ano, estavam em uma festa, e ao chegarem em casa foram rendidos pelos criminosos que já haviam invadido a residência da funcionária do Sicredi e fizeram toda a família e a babá da criança de refém. As vítimas passaram a noite inteira na própria residência sob a mira dos criminosos, inclusive, segundo a tesoureira, os suspeitos colocaram explosivos na cintura do esposo, e fazia ameaças, caso eles ligassem para a PM.

Ação criminosa

Quando amanheceu o dia, antes das 8h, 02 dos criminosos, foram juntamente com a vítima até à agência, no próprio carro da funcionária. Três dos cinco criminosos conduziram as vítimas que estavam na casa da funcionária do banco para outra residência alugada pelos indivíduos, próxima da casa da família.

Depois que os comparsas pegaram o dinheiro do banco, eles fugiram. O esposo da tesoureira da agência, percebendo que os criminosos havia deixado o imóvel, ele quebrou o forro do quarto e conseguiu sair pelo telhado da casa e pedir socorro. Além da tesoureira, os criminosos renderam mais 7 funcionários da agência, entre eles, um vigilante do banco o qual foi rendido e teve a arma levada. 

Os militares fecharam as ruas, as adjacências do local e reforçou com bloqueio às entradas e saídas da cidade e região. O carro da vítima foi abandonado pelos criminosos em frente a agência assaltada. Não se sabe ao certo em que veículo os autores fugiram e se havia outro automóvel dando apoio à ação criminosa. A quantia em dinheiro levada não foi divulgada. A Polícia Militar segue em operação para localizar o grupo. 

Por meio de nota, o Sicredi orienta aos associados da agência a utilizarem os canais de atendimento digitais (site e aplicativo), pois ela se encontra fechada. “O Sicredi lamenta o episódio e reafirma a associados e sociedade em geral que investe continuamente em segurança com o objetivo de proteger as pessoas, o patrimônio e para atender as necessidades dos seus associados e da comunidade onde atua”, finaliza a nota. 

Policias buscam criminosos que fizeram família refém para assaltar banco em Araguatins

Post Anterior

Suposto integrante de facção criminosa é preso suspeito de matar homem com 12 tiros

Próximo Post

Vídeos: PRF apreende 262 tabletes de cocaína em fundo falso de caminhão boiadeiro