0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 03/08/2022 14:24

Após Eurípedes Junior ter conseguido uma liminar no STJ para retomar o controle do PROS, ele anunciou há pouco que vai retirar a candidatura própria da sigla à Presidência da República, hoje do coach Pablo Marçal, para apoiar o ex-presidente Lula.

Marçal vai questionar judicialmente a decisão. Ele argumenta que, legalmente, Eurípedes Júnior não tem o poder de “mudar o resultado de uma convenção partidária realizada dentro do prazo legal”.

“Os representantes do PROS apresentaram como proposta para o programa de governo a necessidade de auxiliar os brasileiros endividados. São cerca de 66 milhões de pessoas. O tema que já consta nas diretrizes do programa será discutido com mais profundidade em parceria com a Fundação da Ordem Social que também está debruçada sobre o tema”, informou há pouco o PT.

Post Anterior

Consumo de carne bovina cai e atinge o menor nível em 26 anos no país

Próximo Post

Encontro de líderes em Palmas marca apoio de Léo Barbosa a Ricardo Ayres  

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.