0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 31/07/2022 19:32

Em convenção nacional do partido, na manhã deste domingo (31), o Podemos convidou o senador Alvaro Dias (PR) a se lançar candidato do partido à sucessão ao Palácio do Planalto.

No evento partidário, a sigla, que cogitava neutralidade no primeiro turno, fez um apelo para que o senador reavaliasse sua candidatura à reeleição ao Senado Federal.

O senador disse que foi um pedido “inesperado”, que ficou “perplexo”. Ele ressaltou que ainda é candidato à reeleição, mas que vai avaliar o assunto até a próxima sexta-feira (5).

“Foi inesperado. Nada foi acertado antecipadamente. Fui surpreendido. Não cogitava. Mas é unânime na convenção partidária. Estou perplexo. Sou candidato ao Senado Federal. Vou pedir pra discutir essa convocação até o dia 5 de agosto”.

Uma eventual candidatura de Dias à Presidência da República altera o quadro eleitoral no Paraná e poderia facilitar uma eleição do ex-juiz federal Sergio Moro, do União Brasil, na disputa ao Senado Federal.

Dias é considerado o padrinho político de Moro. Em pesquisas internas das duas siglas, ambos aparecem como favoritos na disputa ao Senado Federal pelo Paraná, com ligeira vantagem para o atual senador.

O Podemos cogitou inicialmente lançar Moro ao Palácio do Planalto. Na véspera do prazo final de filiação, em abril, o ex-juiz federal decidiu trocar o partido pelo União Brasil e desistiu da disputa ao Palácio do Planalto.

Post Anterior

Pros oficializa candidatura de Pablo Marçal à Presidência

Próximo Post

Michel Temer é vaiado em convenção do MDB

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.