0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

⟳ Atualizada em: 21/01/2020 15:08

A primeira captação múltipla de órgãos no Tocantins de 2020 foi realizada na última sexta-feira, 17. A doação foi autorizada pela família de um paciente de 35 anos, que foi vítima de atropelamento na Capital, e teve o diagnóstico de morte encefálica confirmado. A ação aconteceu no Hospital Geral de Palmas (HGP).

Profissionais da Central Estadual de Transplante do Tocantins (CETTO), juntamente com a equipe do HGP mobilizaram desde o início da abertura do Protocolo de Morte Encefálica, o que possibilitou a captação em tempo hábil dos órgãos para doação. Foram captados os rins e o fígado, beneficiando três receptores em São Paulo.

Para que a doação aconteça é preciso que a população se conscientize da importância do ato de doar órgãos. Foto: André Araújo/Governo do Tocantins.

“A doação de órgãos é um ato que beneficia não somente o paciente que está na fila de espera, mas seus familiares e toda sociedade. Devemos expressar o desejo de ser doador aos nossos familiares em vida, pois somente eles podem autorizar a doação”, lembra a coordenadora da Central Estadual de Transplante do Tocantins, Suziane Crateús.

Primeiro passo

Para que seja possível a doação, o primeiro grande passo é que a família tenha conhecimento do desejo de ser doador, uma vez que parte dela a autorização para captação dos órgãos. A autorização deve ser concomitante ao quadro de morte encefálica, quando ocorre uma perda definitiva das funções do cérebro e, por isso, a recuperação não é possível.

Neste quadro, os órgãos permanecem ativos por um curto período de tempo, o que permite então a captação para que sejam remetidos aos receptores.

“Sabemos que nem sempre é fácil para os familiares optarem pela doação de órgãos, mas estamos trabalhando constantemente para sensibilizar as pessoas de que esse é um grande ato de amor e solidariedade”, destaca o diretor geral do HGP, Leonardo Toledo. (Informações Secretaria de Estado da Saúde).

Post Anterior

Unidade aérea do CIOPAER auxiliou na captura de suspeitos de roubo em Itapiratins

Próximo Post

Escolas militares do TO passam de oito para 12 unidades em funcionamento